quinta-feira, 8 de outubro de 2009

Protocolo de vacinação contra leishmaniose visceral canina.



A Leish-Tec® – Vacina Recombinante contra Leishmaniose Visceral Canina será comercializada exclusivamente para médicos veterinários.

Estão reunidas aqui informações úteis sobre a vacina contra Leishmaniose Visceral. Qualquer duvida sobre valores ou em relação ao protocolo por favor entre em contato via telefone ou email.


-A vacina deverá ser aplicada em cães acima de 4 meses de idade.
Como todas as outras vacinas, deverá ser precedida de um minucioso exame clínico realizado por um médico veterinário.

-A vacina deverá ser aplicada somente em cães assintomáticos com resultados sorológicos negativos para leishmaniose visceral canina. Ou seja, antes da vacinação o veterinário deverá coletar uma amostra de sangue do animal.

-Via de administração: subcutânea.

-Posologia: três doses com intervalo de 21 dias entre as aplicações. Em caso de atraso, iniciar novo protocolo. O animal apresentará a resposta imunológica 21 dias após a terceira dose.

-Revacinação anual a partir da primeira dose. Em caso de atraso até 15 dias, administrar duas doses com intervalo de 21 dias entre as aplicações. Prazo superior a 15 dias, iniciar novamente todo o protocolo vacinal proposto.

-Como no uso de todos os produtos biológicos, podem surgir reações de hipersensibilidade, que deverão ser imediatamente tratadas de acordo com a orientação do médico veterinário.

-A vacinação não é o único instrumento de prevenção e controle dessa enfermidade. Outras medidas também devem ser adotadas, conforme normatização do Ministério da Saúde.

-Os animais vacinados que apresentarem si­nais clínicos de leishmaniose visceral, reações sorológicas positivas estarão passíveis de adoção das medidas sanitárias vigentes.

-O médico veterinário deverá, obrigatoriamente, manter sob sua guarda, durante no mínimo 3 (três) anos após a última dose da vacina, cadastro e registro contendo nome do produto, data de fabricação, data de va­lidade, nº de partida, nº de doses; o ende­reço completo e identificação completa do animal vacinado, do responsável civil pelo animal e datas de vacinação.

-A Hertape Calier Saúde Animal S.A. deve: manter obrigatoriamente, durante 3 (três) anos após a data de distribuição do produto, informações completas sobre os médicos veterinários responsáveis pela aplicação da vacina.

-Em casos de animais vacinados com outra vacina contra leishmaniose visceral canina, diferente da Leish-Tec® – Vacina Recombinante contra Leishmaniose Visceral Canina, o proprietário deverá assinar uma declaração específica e cumprir todo o protocolo proposto da Leish-Tec® – Vacina Recombinante contra Leishmaniose Visceral Canina para imunização do animal. O atestado de vacinação anterior deverá ser mantido anexo ao atual pelo fato da imunização com a Leish-Tec® – Vacina Recombinante contra Leishmaniose Visceral Canina não ter o condão de reverter uma eventual sorologia positiva decorrente da vacinação anterior do cão com produto distinto desta vacina.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pelo seu comentário, ele vai ser lido e respondido!